terça-feira, 29 de julho de 2014

Eduardo Coutinho






 Eduardo Coutinho Foto Eduardo Coutinho, foi um dos mais importantes nomes do documentário brasileiro.Teve uma formação que passou pelo cinema, teatro e jornalismo, tendo inclusive cursado a faculdade de Direito em São Paulo. Seu trabalho é caracterizado pela profundidade e sensibilidade com que aborda problemas e aspirações da grande maioria marginalizada, sejam camponeses diante de processos históricos “Cabra Marcado para Morrer”, moradores de um enorme condomínio de baixa classe média no Rio de Janeiro “Edifício Master” ou metalúrgicos que conviveram com o então sindicalista Luiz Inácio Lula da Silva: “Peões”.



A importância de Edifício Master



        Toda a obra de Eduardo Coutinho é bastante recomendada, para fãs do cinema brasileiro. Vamos dar um levante aqui para um filme importante: Edifício Master.




       "Edifício Master" (documentário de 2002) surgiu da idéia singela de filmar depoimentos de moradores de um prédio de apartamentos em Copacabana. Coutinho e sua equipe mantiveram-se durante três semanas dentro do edifício, literalmente morando lá, com a intenção de que ocorresse uma ambientação entre a equipe que produzia o documentário e os moradores. São relatos tão sinceros quanto dissimulados de personagens iludidos e desiludidos, os quais, pelas razões mais diversas, habitam no Edifício Master. convivem no dia-a-dia do prédio os esperançosos, os desamparados, os felizes, os tristes, os austeros, os desencanados, os talentosos, os ressentidos, enfim, nada diferente do que se poderia esperar numa comunidade de 500 pessoas. Os moradores do edifício são pessoas provenientes de diversos locais e origem, com idades diversas, e com diversas histórias de vida, mas habitando todas em um mesmo local. Estes mesmos moradores raramente se veem, ou nem sabem da existência um do outro."Edifício Master" é um documentário em que não há um assunto dominante. Os 37 depoimentos são tão despojados quanto possível, a diversidade é o assunto.




O cineasta Eduardo Coutinho, de 81 anos, foi assassinado a facadas no dia 2 de Janeiro, dentro de sua casa, no bairro da Lagoa, zona sul do Rio de Janeiro.


Disponibilizo aqui os torrents de "Edifício Master" & um documentário de 2013 sobre o diretor: "Eduardo Coutinho 7, de Outubro"


Fontes: 

Wikipédia.

Crítica de Humberto Pereira da Silva, professor de filosofia na Universidade São Judas Tadeu.



Por Thiago Mendes