segunda-feira, 18 de abril de 2016

Di Melo – O Imorrível



A vida em seus métodos diz calma
Vai com calma, você vai chegar
Se existe desespero é contra a calma, é
E sem ter calma nada você vai encontrar 

                                                                   A Vida Em Seus Métodos Diz Calma - Di Melo 



Certa vez vendo um documentário sobre Jazz um dos críticos afirmou que Duke Ellington tinha suingue como artista musical. Bem na primeira vez que escutei o CD do Di Melo eu compreendi realmente o que isso significava. Na minha frente estava uma obra musical com suingue e muito mais.





Ah, ele que dizia que queria morrer doce, Quando o mundo acabasse em mel

Mel

Ah, ele que dizia que queria morrer doce, Quando o mundo acabasse em mel
Mel, mel, mel, mel

                                                                     Se o Mundo Acabasse em Mel - Di Melo 



O CD homônimo de Di Melo foi lançado no meado de 1975 mas de lá até hoje temos uma obra atual, vibrante e cheia de energia. Funk, MPB e até pitadas de tango e mantra. Bem como eu afirmei acima o cara tem muito suingue.


O joão que se mata vivendo de amor Pedindo uma esmola, fazendo favor Que vende uma escada e compra uma esteira E deita na praia e na companheira Mas que se arrepende no dia seguinte Perante os amigos na mesa de uma bar E é tão conhecido esse tipo de gente

                                                                          João - Di Melo 






Escutando esse som a pergunta que não quer calar é o cara tá vivo? Morreu ? Sumiu ?

Em 2009 foi feito um documentário sobre Di Melo intitulado O Imorrível e nele temos um Di Melo mais velho mas nem por isso irônico, criativo e afinal vivo.




Se a coisa toda já estava doce como mel agora Di Melo lança novo CD na praça após 40 anos ele reaparece. Podemos esperar tudo desse grande artista o que não podemos é deixar de escutá-lo.





Aproveitem escutem se divirtam 



Thiago Mendes