terça-feira, 22 de outubro de 2013

A menina que roubava livros



       A menina que roubava livros de autoria de Markus Zusak, foi publicado em 2006 e não sei ao certo quando chegou as prateleiras brasileiras, mas para minha felicidade chegou a minha mão por um roubo. Bem na verdade não chega a ser um furto, ainda mas se tratando de uma mãe, contudo depois de ler esse livro algumas vezes simplesmente não consegui devolver o presente para mama...rs

Sinopse do Livro:

      Ao perceber que a pequena Liesel Meminger, uma ladra de livros, lhe escapa, a Morte afeiçoa-se à menina e rastreia suas pegadas de 1939 a 1943. A mãe comunista, perseguida pelo nazismo, envia Liesel e o irmão para o subúrbio pobre de uma cidade alemã, onde um casal se dispõe a adotá-los por dinheiro. O garoto morre no trajeto e é enterrado por um coveiro que deixa cair um livro na neve. É o primeiro de uma série que a menina vai surrupiar ao longo dos anos....

Sinceramente é um livro que recomendo muito,tem todos os ingredientes para prender um aficionado por leitura, e eis minha surpresa ao descobrir através de Mandy, o que o livro em questão se tornou um filme.





É claro que adaptações tem um número grande de descrentes em sua utilização, todavia estou curioso para saber como vai ficar esse livro na telona.

Só pra lembrar o autor, Mark us Zusak, não tem apenas esse livro poderoso, ele escreveu Eu sou o Mensageiro, outro belo livro que me traz confiança pra dizer que esse autor tem muito talento.

Sinopse: Eu sou Mensageiro

Conheça Ed Kennedy: Taxista, Patético jogador de cartas, um desastre no amor. Mora numa casinha alugada com seu cachorro viciado em café e está apaixonado pela melhor amiga. Seu dia-a-dia é uma rotina de incompetência, até que, sem querer, impede o assalto a um banco. Então recebe a primeira carta: um Ás. É quando Ed se torna o mensageiro... Escolhido para socorrer, ele segue seu caminho na cidade ajudando-e machucando (quando necessário)- até que resta apenas uma questão: Quem está por trás de sua missão? Eu sou o mensageiro é sua jornada enigmática repleta de humor, socos e amor.


Recomendo os livros e veremos o filme ...


Thiago Mendes